contato

A liberdade da solidão é a segurança de não ser compreendido, pois aquele que nos compreende escraviza alguma coisa em nós.(Khalil Gibran)



Whatsapp - (13) 98129 3515

O blog da Solange Lima Headline Animator

traduza este blog para o seu idioma

sábado, 21 de março de 2015

TEORIA DA FOME

TENHO FOME



Fome de escrever sobre as mazelas do mundo, da vida, da falta dela.
Tenho fome de vomitar garranchos de desapego.
Fome de expor as dores e os amores, as idas e vindas.
Tenho fome de sentir fome.
As letras maquiam os fatos.
Maquiagem pode ressaltar o belo como pode camuflar verdades e caracterizar mentiras.
Analfabetos da sinceridade, escritores da maldade.
Romances inventados, literatura barata, crônicas de falácias.
Doutores das letras, enfermos do conhecimento. 
Letras, acentos, travessões, pingos, parágrafos, hifens, ponto final.
Acentuação enfática e CAPS LOCK na morte intelectual.
Nova ortografia, para novas fronteiras.
Unificação.
De pensamentos?
Cegueira mundial, catástrofe nacional.
Letra para quem tem fome, circo para quem tem urgência.
Pão para a preguiça. 
SAINDO UM EJA NO CAPRICHO!
Cotas de preconceito para quem aprendeu a fazer compreensão do texto. 
Na bolsa quero dignidade.
Tenho fome, quero letras para um banquete, não as migalhas que caem da mesa de seu senhor.
Fome, saciedade. gula, anorexia. 
Quem tem esbanja, quem não tem deseja.
Letras no poder, ignorância dando poder.
Tenho fome, muita fome.


Por Solange Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por seu comentário!
solangelimaproducoes@hotmail.com