Postagens

Mostrando postagens de Abril 2, 2012

FREUD EXPLICA

Imagem
Porque será que o ser humano em geral, precisa primeiro perder o que tem para só então se dar conta de que gostava e até precisava daquilo, ou daquela pessoa que perdeu? Deve haver uma explicação Freudiana para isso. O ser humano tem a tendência a desprezar, esnobar quem o valoriza, quem o ama. Nos acomodamos naquela zona de conforto, de onde imaginamos que nunca sairemos.  Pensamos que a pessoa tão devotada a nós jamais nos deixará e por tanto, podemos despejar todas as nossas frustrações, raivas, irritação, impaciência e indelicadeza sobre ela. Usamos as pessoas que nos amam como válvula de escape. E como tudo na vida precisa ser difícil ou não damos o devido valor, acabamos não dando valor também as pessoas que se doam tão desprendida e despretensiosamente à nós. Até o dia em que algo acontece e nosso anjo da guarda de carne e osso decide sair de nosso caminho, desiste de ser saco de pancadas e só então percebemos a sua presença, ou a falta dela. A vida poderia ser muito mais fácil, muito …