contato

A liberdade da solidão é a segurança de não ser compreendido, pois aquele que nos compreende escraviza alguma coisa em nós.(Khalil Gibran)



Whatsapp - (13) 98129 3515

O blog da Solange Lima Headline Animator

traduza este blog para o seu idioma

sábado, 5 de novembro de 2011

RELACIONAMENTOS CODIFICADOS

A vida já não é nada fácil.
Cheia de enigmas, dúvidas, perguntas sem respostas, surpresas nem sempre agradáveis e na maioria das vezes sentimos falta de um manual de instruções.
Se aproximar do criador da vida ao ponto de poder ouvi-lo não é exatamente algo simples de se fazer.
Exige muitas renúncias e uma vida regrada, digna de tão especial amizade. Não fosse isso e teríamos menos dificuldades em viver, Ele nos ensinaria como.
Diante disso fico me perguntando por que os casais ainda insistem em viver relacionamentos codificados.
Viver em uma relação onde você tem que ficar o tempo inteiro tentando decifrar a pessoa, interpretar o seu silêncio, traduzir seus sinais e principalmente escolher qual parte do que ela disse realmente era o que queria que você assimilasse, é no mínimo exaustivo.
Seria tão mais fácil se cada um mostrasse logo a que veio, fosse sincero e transparente com o(a) parceiro(a), assim ninguém se machucaria por ter comprado gato por lebre.
Tão menos dolorido seria se todos dissessem o que realmente estão sentindo ou pensando ao invés de ficar emitindo ondas, sinais, códigos para o outro decodificar.
Em geral as interpretações são feitas de maneira errônea e o resultado quase sempre é frustrante. 
Isso por que tendemos a interpretar o outro como desejamos que ele seja, e dessa maneira passamos a cobrá-lo para que haja de acordo com a nossa interpretação, e não conseguindo um resultado positivo nascem as cobranças de um lado e do outro a queixa por estar se sentindo manipulado(a).
Pra que facilitar se podemos complicar não é mesmo?
Sou adepta do relacionamento verdadeiro, transparente e sincero. Sem joguinhos e siglas, sinais, códigos, adivinhações ou algo que o valha.
Se o seu parceiro precisa vir acompanhado de uma bola de cristal e um tradutor de códigos, o melhor a fazer é decodificar sua própria vida para descobrir o que te leva a submeter-se a tamanho desgaste.

REFLEXÃO DO DIA:
"O temor do SENHOR é o princípio do conhecimento; os loucos desprezam a sabedoria e a instrução". (Provérbios 1:7) - http://www.bibliaonline.com.br/acf/pv/1

  • para entrar me contato com Solange Lima mande e-mail para "oblogdasolangelima@hotmail.com"

6 comentários:

  1. É engraçado como essas coisas acontecem com a gente? e como normalmente vem o texto certo, na hora certa. O ponto aí é que pra se dar um basta nisso depende do decodificador, ou seja, depende daquele que "precisa" entender o código da companheira(o). É simples, é só dar um basta e ser direto. Mas como isso é difícil....

    ResponderExcluir
  2. É querido Valdir, difícil é, como tudo na vida. Mas acredito que mais difícil ainda é a dor de um rompimento pela simples falta de sinceridade, clareza e verdade de ambas as partes. E talvez uma dose extra de compreensão ao perceber na sinceridade do outro algo que de que não esteja de acordo.

    ResponderExcluir
  3. È isso ai Sol, esse é um dos motivos pelo qual eu nao tenho paciencia pra namorar agora. Já me basta ter que decifrar e interpretar os pacientes! hauahuahauh Qro alguem que nao faça joguinhos de advinhaçoes, mas pelo que tenho visto isso é utopia! =/

    Bjoks,
    Pequena Ana.

    ResponderExcluir
  4. É pequena Ana, de fato e quase uma utopia.
    As pessoas estão acostumadas a viverem por trás de suas máscaras que quando deparam com alguém que quer viver uma relação real, como pessoas de verdade e não como atores amadores, se assustam.
    Em geral os(as) parceiros(as) não estão preparados para ouvir a verdade.

    ResponderExcluir
  5. É que hoje em dia, homens e mulheres, estão valorizando mais o que há do lado de 'fora'. Mas acontece algo bem triste, então, no caso. o que fica do lado de dentro é só vazio, uma solidão, e assim vamos esquecendo que sentir é primordial.

    ResponderExcluir
  6. Fato. Ninguém quer sentir mais nada e quando se deparam com alguém que ainda sente, fogem.

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário!
solangelimaproducoes@hotmail.com